caras

Outubro 21, 2008 at 10:43 pm (bijutaria) (, , , )

Depois de “retratar” a Frida, à minha maneira (fingi esquecer-me do pormenor do bigode, enquanto ela não se perdoava a ela própria, acentuando o “acessório” masculino numa espécie de auto-flagelação ou pura e simplesmente a tentar ser autêntica até ao último detalhe), fiquei com vontade de experimentar outras caras. A primeira tentativa tem ainda a herança das sobrancelhas da Frida, mas as seguintes já pertencem a outro… género.

Não, o anel não está danificado, mas sim achei graça ao contorno irregular, às rachas que abriram na massa. Deixei-as exactamente onde abriram. Assim, o anel tem um ar ainda mais… especial.

Um amigo meu comentou que esta senhora tem ar de ser grega, não sei se concordam ou não… De qualquer maneira, a partir de lá passei a chamá-la “A Grega”. Está um bocado triste ou sonhadora, mas eu gosto dela, ficámos amigas.

Esta última personagem é uma mademoiselle de Paris, acha-se muito chic, é volúvel e esconde segredos por baixo do ar inocente que usa como uma máscara.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: